Hamburgueres de salmão e alcaparra com molho tzatziki

Sempre fui muito preguiçoso para escrever, sou pessoa de mais imagens e menos palavras, talvez por isso segui o caminho das Artes Plásticas, pensando que substituía a força das palavras pelo poder da imagem. Em parte substituí, mas nunca me livrei totalmente delas, nem podia, claro!

Esta coisa de ser blogger tem me ajudado a equilibrar esses dois mundos e a agilizar o pensamento escrito. Mas continuo a lutar contra a preguiça, preguiça mental devo dizer, especialmente neste período em que o cérebro parece mais interessado em bebidas refrescantes e mergulhos no mar!

E porque isto é como um músculo que precisa de ser trabalhado, recorro a uma estratégia que me tem ajudado: anotar ideias! Seja num caderno pequeno que me acompanha para todo o lado, seja no iPhone, escusado será dizer que este também nunca me larga! Sempre que me lembro de algo sobre o qual gostava de escrever, se não anotar no momento, é certo que irei esquecer-me. Por isso tento escrever tudo, desde um determinado tema que quero abordar ou simplesmente uma frase aleatória que me passe pela cabeça. Mesmo que não venha a utilizar o que escrevi, é sempre conteúdo útil porque uma ideia leva à outra e assim se constrói assuntos mais interessantes.

Lembro-me de um dos poucos ensaios que mais gozo me deu a escrever na faculdade. Sobre Rothko, um dos meus pintores favoritos de século XX. O texto era baseado numa conversa real e informal que tive com uns amigos enquanto estivemos bastante tempo sentados na sala Rothko da Tate.

No fundo, escrever aqui, ou escrever sobre comida é como falar com um amigo sobre aquilo que mais gostamos e, mesmo que por vezes o cérebro custe a encarrilhar, bebe-se um refresco só para o tentar enganar! Mas vamos ao que interessa que este hambúrguer não é nenhum Rothko, não quero que passem horas simplesmente a olhar para ele!

Hambúrgueres de salmão e alcaparra com molho Tzatziki

(Publicado na revista Activa de Maio)

Serve 2

Hambúrgueres

  • 300g de lombo de salmão, sem espinhas nem pele
  • 40g de flocos de aveia
  • 1 colher de sopa de alcaparras
  • Raspa de 1 limão
  • 1 colher de chá de sementes de funcho
  • Sal integral, a gosto
  • Azeite

Molho tzatziki

  • 2 pepinos médios, ou 1 grande
  • 1 iogurte grego
  • 1/2 dente de alho, ralado
  • 1 colher de chá de mel
  • 1 colher de chá de mostarda de Dijon
  • 1 raminho de funcho, picado
  • Sumo de limão, a gosto
  • Sal integral, a gosto
  • 1 fio de azeite

Procedimento

1. Reduza os flocos de aveia a farinha usando um processador de alimentos. 2. Transfira a farinha de aveia para uma taça grande. 3. Corte o salmão em pequenos pedaços. De seguida use o processador de alimentos para picar gentilmente o salmão. Não pique demasiado, queremos o hambúrguer com alguma textura. 4. Numa frigideira aqueça as sementes de funcho até ficarem ligeiramente tostadas mas sem queimar. 5. Deixe as sementes arrefecer antes de as esmagar num almofariz. 6. Lave as alcaparras em água corrente para eliminar o seu sabor avinagrado. Pique-as grosseiramente. 7. Na taça onde colocou a aveia junte o salmão, as alcaparras, a raspa de limão e as sementes de funcho esmagadas. 8. Tempere com uma pitada de sal e misture tudo muito bem. 9. Forme os hambúrgueres e frite-os numa frigideira bem quente com um fio de azeite. 10. Para preparar o molho Tzatziki, descasque o pepino, corte-o longitudinalmente, retire as sementes com a ajuda de uma colher e fatie.  11. Misture o pepino com os restantes ingredientes do molho e sirva com os hambúrgueres.

6 Comments

  1. Ondina Maria 05/08/2014 at 15:56 · Reply

    Esse tzatziki é à moda do Chilli: com todos! Pelo menos está mais incrementado do que o original LOL.
    Adorei os hamburguers e fiquei com imensa vontade de os fazer, principalmente por não ser necessário o processador (é que vou ser batoteira e vou usar farinha de aveia, lol)

  2. Ginja 05/08/2014 at 16:44 · Reply

    Perfeitos, adoro hamburgers de salmão e adoro esse molho bem fresco!
    Acontece-me isso, nem sempre tenho palavras, talvez por isso me virei para a veterinária, com os animais não preciso de falar tanto nem escrever, tenho mais de os compreender a eles.
    Um beijinho.

    • Filipe 12/08/2014 at 10:29 · Reply

      São óptimos Clarinha! Obrigado pelo teu comentario!

  3. Karla - The Candid Kitchen 12/08/2014 at 9:15 · Reply

    Que inusitados esses hamburgueres de salmao, gostei muito da idéia! E este molho grego é a cara do verao, uma delícia!

    • Filipe 12/08/2014 at 10:27 · Reply

      Obrigado Karla! Sim o molho é refrescante!

Leave a Reply

Back to top