chocolates artesanais no Porto

O Porto está na moda! Sempre teve o seu charme, é verdade, mas está a passar um momento particularmente feliz. Foi recentemente nomeado como o melhor destino europeu de 2014 e é promovido a toda a hora por revistas e sites de turismo nacionais e internacionais. Hoje falo-vos desta cidade onde sabe sempre bem voltar, não porque é moda, mas porque merece todo o destaque que lhe pudermos dar.

Sempre gostei muito do Porto, mas há uns anos atrás quando o visitava, vinha de lá com a sensação de uma cidade um pouco degradada e desarrumada. Felizmente essa memória pertence ao passado e hoje temos uma cidade que conseguiu reinventar-se! Muitas ruas foram requalificadas, os prédios devolutos foram e estão a ser recuperados, devolvendo à cidade uma arquitectura de charme, onde apetece caminhar e apreciar cada plano. É uma cidade criativa que fervilha boa gastronomia, cultura e onde muitos projectos novos e alternativos estão a acontecer. Alguns deles têm destaque neste artigo.

Os acessos à cidade do Porto são cada vez melhores e mais eficientes. O Aeroporto tem testemunhado nos últimos anos um grande aumento de passageiros e vôos graças às companhias low cost, tornando-a uma cidade acessível internacionalmente, com ligações regulares ao resto da Europa. Fica a 300 km de distância de Lisboa, cerca de 3 horas de viagem, seja de carro ou comboio. Tudo isto faz com que se torne mais fácil chegar à cidade do Porto e, para quem vem de fora de Portugal, um carro de aluguer pode ser uma boa opção tendo em conta que existem tantas outras cidades interessantes à volta que merecem uma visita.

Para quem não conhece a cidade, conduzir no Porto é relativamente fácil, porém, e como é uma cidade pequena, aconselho a estacionar num dos muitos parques de estacionamento e percorrer a cidade a pé ou de metro. Perder-se nas ruas pitorescas ou ir ao encontro de alguma das seguintes sugestões.

Mercado biológico no Parque da Cidade

fruta biológica no mercado do parque da cidade

mercado biológico no Porto

mercado semanal no parque da cidade

legumes biológicos no mercado do parque da cidade

O mercado biológico acontece todos os sábados de manhã e é já um mercado de referência na cidade do Porto. Não só pela qualidade dos produtos trazidos por produtores locais mas também pela localização privilegiada no maior parque urbano do país. O mercado está inserido no núcleo rural do Parque da Cidade, uma zona de quintas e edifícios rurais recuperada com o objectivo de preservar a memória rural da cidade do Porto.

Nele podemos encontrar várias bancas com produtos de origem biológica, desde legumes, fruta, pão e até alguns doces. Falar um pouco com os produtores faz parte da experiência do mercado, se não conhecer algum produto ou tiver alguma curiosidade, meta conversa!

Já que temos todo um vasto parque à disposição, fazer as compras é so uma parte da diversão. Aproveite para passear, andar de bicicleta, ou qualquer outra coisa que o ajude a desfrutar da natureza nestes 83 hectares de área verde que se estende até o mar.

O Parque da Cidade foi projectado pelo arquitecto Sidónio Pardal e concluído em 2002. Foram aproveitadas pedras provenientes de outras estruturas demolidas para a construção de charcos, muros, bancos, criando um ambiente bastante campestre. É também uma obra de referência, tendo sido selecionado pela ordem dos engenheiros como uma das 100 obras mais notáveis construídas no séc. XX em Portugal.

núcleo rural do parque da cidade

Parque da cidade do Porto

lago no parque da cidade

Pão que ladra

A originalidade do nome e o sentido de humor nele subjacente à partida justificam a nossa visita. É um espaço recente, abriu portas em janeiro deste ano, mas a julgar pelo serviço, pela atenção ao detalhe e pela comida que nos servem será mais uma referência na cidade.

Pão que ladra, Porto

restaurante pão que ladra no Porto

garrafeira no restaurante pão que ladra

O ambiente é descontraído e o menu, cujo ingrediente base é o pão, está escrito directamente na parede acompanhado por ilustrações de temática canina. E só podia ser assim já que o cachorros foram o ponto de partida para este projecto iniciado por duas amigas de longa data, que em comum têm o gosto pelos cães.

Por isso cada prato tem o nome de uma raça de cão. Mas como o conceito vai além dos cachorros, pode descontraidamente comer um hamburguer chamado chiwawa, um prego chamado Boxer, ou o Vira Lata, uma sandwich de mortadela grelhada com bacon e queijo cheddar. Os vegetarianos não foram excluídos, se pedirem um Poodle, recebem um hamburguer à base de grão de bico.

Não acaba aqui, tenho obrigatoriamente que falar das batatas! Servidas em porções generosas, são estaladiças, bem temperadas e acompanhadas por um delicioso molho de iogurte. O melhor amigo do cachorro é a batata frita, certo?

hamburgers pão que ladra não morde

copos de vinho

Pão que ladra no Porto

Chocolataria Equador

Mais do que uma loja que vende chocolates, é um espaço onde se enaltece o chocolate e a sua produção artesanal. Mal entramos somos embalados pela fusão de todos os aromas que perfumam a loja, pela vasta oferta de chocolates e pela beleza das suas embalagens. A sério que já dei por mim indeciso entre um chocolate pela sua combinação de sabores e outro pela sua embalagem!

Chocolataria Equador no Porto

chocolataria artesanal

Chocolataria Equador, porto

O sucesso deste projecto iniciado por Teresa Almeida e Celestino Fonseca, ambos com formação artística, é resultado do seu amor pelo chocolate e pela procura de matéria prima de excelente qualidade. O fabrico é 100% português e acontece em Leça do Balio onde fica a fábrica, mas o cacau vem directamente de países como o Equador, Cuba ou Brasil.

Miguel Tedim e Rui Costa são os mestres chocolateiros responsáveis pelas receitas, propondo sabores tão curiosos como caril ou chilli ou o clássico chocolate negro com laranja ou vinho do Porto.

Café Vitória

Café Vitória, Porto

Café Vitória

Tarde de grão de bico no café vitória

Este é um dos meus locais favoritos no Porto, por isso tenho que incluí-lo neste roteiro. Entramos no Café Vitória e há qualquer coisa que nos hipnotiza o olhar. A decoração vintage criteriosamente escolhida para nos receber e a iluminação suave que nos acalma e sugere que esqueçamos as horas… Talvez estes sejam os factores responsáveis por me sentir lá tão bem. Não esquecendo, claro, aquela tarte de grão de bico ou o sorvete de beterraba!

O café tem um jardim interior cheio de luz e ainda uma esplanada, o que nos permite optar por onde nos sentimos melhor. É ideal para almoços ou snacks económicos ou jantares mais sofisticados no restaurante que se situa no primeiro piso.

café vitória, Porto

chá no café vitória

Moradas

Mercado do Parque da Cidade

Núcleo rural do Parque da Cidade
Sábado das 10h às 14h

Pão Que Ladra

Rua das Taipas, 8
Segunda, quarta e quinta das 12h às 22h
Sexta e sábado das 12h às 2h
Domingo das 14h às 20h

Chocolataria Equador

Rua Sá da Bandeira, 637
Segunda a sábado das 11h às 19h30

Rua das Flores, 298
Segunda a domingo das 11h às 19h30

Café Vitória

Rua José Falcão, 156

Café
Terça a quinta das 12h à 1h
Sexta das 12h às 2h
Sábado das 14h às 2h
Domingo das 14 à 1h

Restaurante
Segunda a Sábado a partir das 20h

 

Este é um post patrocinado, escrito inteiramente por mim de forma honesta e isenta.

 

13 Comments

  1. Maria João Clavel 01/03/2014 at 11:23 · Reply

    Até me emocionaste. Adoro a minha cidade cada dia mais, e este teu post faz-me reforçar a ideia de que vivo numa das melhores cidades do mundo.
    Como sempre as tuas imagens são fantásticas e adoro ler-te, por isso gosto destas rubricas, sejam elas patrocinadas ou não, força! :)

    • Filipe 17/03/2014 at 10:00 · Reply

      Obrigado Maria João, como sempre deixas-me quase sem palavras!! :) O Porto é encantador, é difícil não me sentir tão bem lá! beijinho

  2. ilse 01/03/2014 at 12:04 · Reply

    This is such a great post – I am looking forward to the day I finally get to visit Porto. Thank you!

    • Filipe 17/03/2014 at 9:58 · Reply

      Thank you so much ilse! You should visit some day!

  3. Ondina Maria 01/03/2014 at 12:39 · Reply

    Ai Chilli, Chilli…. atão não é que desconhecia o Pão que ladra mas não morde? Sempre a aprender! Espero que voltem muitas vezes ao Porto e que, para além de desfrutar da nossa gastronomia que agora é tão ecléctica, possamos ir juntos às compras. Gosto muito do mercado bio no parque da cidade mas hoje, que chove a potes, vou acabar por não ir lá. Restou-me a ida ao Bolhão e, mais tarde, o abrigado Berdinho!
    E se não for hoje, para a semana experimento o Pão que ladra :p

    • Filipe 17/03/2014 at 9:58 · Reply

      Estás a falhar Ondina!! ;) Para a próxima temos que ir ao Bolhão e almoçamos no Pão que ladra! :)

  4. Rosa 01/03/2014 at 14:45 · Reply

    Sinto-me um pouco vaidosa por teres conhecido o Café Vitória através de mim (eu sei que o ias conhecer mais dia menos dia, mas deixa-me ter este sentimento de “Vitória” hihih A Ana ficou particularmente bonita debaixo daquelas cores *
    Agora.. e para compensar.. vou tirar um dia para ir conhecer o “Pão que Ladra”, pela tua discrição e fotos (magnificas como já nos habituaste), estou mesmo rendida!!! :D
    Um dia gostava de ler um destes post da cidade de Coimbra… dá-me uma dor no coração quando passeio pelas ruas desta cidade tão bela e tão pobre… :’(
    Bom.. mas.. não é disso que se trata hoje! Por isso obrigada por este post :) Gosto muito de ir ao Porto :)

    • Filipe 17/03/2014 at 9:55 · Reply

      É verdade Rosa, tu foste a grande culpada! O Vitória é daqueles locais onde não apetece ir embora, sinto-me mesmo bem lá! Tens que experimentar o Pão que ladra, e pede aquelas batatas maravilhosas! beijinho

  5. Célio Cruz | Sweet Gula 02/03/2014 at 17:00 · Reply

    É bem verdade que o “Puorto” está na moda e tanto que se ouve falar nele ultimamente. E acho bem, pois o mérito da cidade deve ser reconhecido. E tantas saudades que eu tenho dessa cidade, faz imenso tempo qua não a visito. E depois de ver estas belas imagens que aqui partilhas fiquei com muita vontade de lá voltar e ir conhecer todos esses sitios maravilhosos que aqui recomendas. ;)
    Mais um post de excelência. ;)
    Um abraço.

    • Filipe 17/03/2014 at 9:53 · Reply

      Obrigado Célio! Cada vez gosto mais do Porto, e há tanta coisa nova a acontecer que apetece ir lá todos os fim de semana! :) abraço

  6. Rute Jacinto 06/03/2014 at 22:28 · Reply

    Lindo post! Já visitei o Porto e gostei bastante, infelizmente não conheci estes locais de que falas, assim sendo, tenho mais razões para lá voltar :)
    Bjinhos

    • Filipe 17/03/2014 at 9:52 · Reply

      O Porto está em grande, vais ver que vais descobrir ainda outras coisas! beijinho!

  7. Maria Teresa Barros Duarte Almeida 13/04/2014 at 12:15 · Reply

    Boa tarde Filipe Lucas Frazão, que boas escolhas que fez e muito obrigada por incluir a Chocolataria Equador! Até breve.

Leave a Reply

Back to top