Tags

  • Sala de Jantar

    Já aqui expressei várias vezes a minha paixão pela Ilha do Pico, hoje quero apresentar-vos um projecto que finalmente pode tornar-se público. A Casinha da Júlia, um projecto de Alojamento Local na Ilha do Pico que tem tanto de pessoal como de familiar e expressa da melhor forma a nossa paixão por este pedaço de terra no meio do Atlântico. Após quase ano e meio de espera (sabemos como funciona a burocracia em Portugal) aquilo que é o nosso refúgio de férias pode ser agora partilhado com quem quiser!

  • Ilha do Pico, Açores

    A minha paixão pela Ilha do Pico começou há dois anos, quando a visitei pela primeira vez. Tenho guardado na minha memória a primeira imagem daquela montanha negra e imponente. Tínhamos acabado de aterrar, estava um dia de sol lindo e registei o momento com uma fotografia a preto e branco.

  • Bolo de Milho do Pico

    Esta ilha negra e disforme apoderou-se dos meus sentidos. Tudo o que a princípio me repelia, o negrume, o fogo que a devora, o mistério, tudo me seduz agora. O Pico é a mais bela, a mais extraordinária ilha dos Açores, duma beleza que só a ela lhe pertence, duma cor admirável e com um estranho poder de atracção. É mais que uma ilha – é uma estátua erguida até ao céu e moldada pelo fogo – é outro Adamastor como o do cabo das Tormentas. (Raúl Brandão, Ilhas desconhecidas, 1926)

Back to top