sopa de ervilha fresca e leite de coco

Quem quer uma sopa com sabores de primavera e cara de verão? Eu sou o primeiro a meter o dedo no ar que isto da ervilha fresca é uma época que dura pouco e não quero desperdiçar!

Vou dizer-vos o que eu acho que combina com esta sopa. Consigo imaginar umas lascas ainda húmidas de peixe grelhado a submergir no caldo, engolidas lentamente por todos os seus sucos e aromas. Melhor! Imaginem comigo, uns mexilhões ainda a cheirar a mar, previamente abertos em vinho branco e alho, a flutuar num acorde harmonioso entre a suavidade do coco e da ervilha e a acidez estonteante da lima.

É aquela sopa que se faz num final de tarde ainda luminoso, com o cheiro do carvão queimado no ar e um copo de rosé, bem fresco, na mão. Por entre minutos que normalmente se arrastam pelas horas e se afirmam enquanto lembranças que gostamos de conservar.

Consegui transportar-vos para algum lado? Espero que sim!

sopa de ervilha fresca

Sopa de ervilha fresca e leite de coco

4 pessoas

  • 1 colher de sopa de óleo de coco
  • 1 tomate, cortado em cubos
  • 1 cebola pequena, picada muito finamente
  • 1 dente de alho, picado finamente
  • 1 molho de coentros
  • 1/2 polegar de gengibre fresco, ralado
  • 1 colher de chá de curcuma (açafrão da Índia) em pó
  • 200ml de leite de coco
  • 800ml de água
  • 400g de ervilha fresca, descascada
  • 1 chilli vermelho, fatiado
  • 1 estrela de anis
  • 2 vagens de cardamomo, só as sementes
  • Sal integral, a gosto
  • Sumo de lima, a gosto

Procedimento

1. Aqueça o óleo de coco numa panela e refogue o tomate durante 1 ou 2 minutos até começar a amolecer. 2. Juntar a cebola, o alho, os pé de coentro picados (reserve as folhas para temperar no final) gengibre e curcuma. Refogar mais uns minutos. 3. Acrescente um pouco de água (4 colheres de sopa), baixe o lume e deixe cozinhar lentamente, cerca de 10 minutos. Não deixe secar, acrescente mais um pouco de água se for necessário.  4. Junte ao refogado o leite de coco, a água (800ml), a ervilha, o chilli, o anis e o cardamomo.  5. Cozinhar cerca de 10 minutos ou até as ervilhas ficarem cozidas.  6. Retire metade da sopa e triture até ficar cremoso (certifique-se de que não tritura o anis). Devolva à panela a porção de sopa triturada e envolva com o resto.  7. Tempere com sal, coentro picado e sumo de lima.

 

4 Comments

  1. Sanda 24/05/2015 at 20:34 · Reply

    Vou fazer nos proximos dias, parece espectacular!!!

  2. Joana 25/05/2015 at 9:34 · Reply

    Não me lembro de comer sopa de ervilha antes de ser já praticamente adulta. Adoro quando tem um pedacito de presunto e um pouco de cream cheese e pimenta. Mas esta parece ainda mais deliciosa!

    x
    http://www.whenyoudreambig.com

  3. Lia 27/05/2015 at 20:32 · Reply

    Olá Filipe,
    Conseguiste pois e de que maneira e nem sabes como fiquei a salivar, especialmente com o pensamento dos mexilhões em conjugação com a sopa…
    Amei esta sopa. Aliás, adoro estas tuas combinações exóticas e cheias de sabor e esta fica marcada.
    Um beijinho,
    Lia.

  4. Marmita 29/05/2015 at 9:45 · Reply

    Que core lindas Filipe, se for tão boa como a que comi no kinkfolk, está ganha :D beijos

Leave a Reply

Back to top